Faça dinheiro sem esforço

sábado, 22 de novembro de 2008

Prémio Sharjah 2008, da Unesco, para Adalberto Alves


O escritor português Adalberto Alves foi hoje (17 de Novembro) laureado pela UNESCO com o Prémio Sharjah 2008, que visa distinguir quem tenha contribuído de forma relevante para a promoção, preservação e revitalização da cultura árabe no mundo.

...
Adalberto Alves, que preside actualmente ao Centro de Estudos Luso-Árabes de Silves, foi laureado na sequência de recomendações de um júri internacional que analisou 33 candidaturas, apresentadas por 20 Estados-membros da UNESCO.

...
Para Adalberto Alves, receber este prémio "é o coroar de muitos anos de trabalho de divulgação da herança árabe na cultura portuguesa", declarou o laureado à agência Lusa.

...
Por seu lado, o embaixador de Portugal junto da UNESCO, José Duarte Ramalho Ortigão, considera este prémio como sendo "muito importante e com grande prestígio a nível internacional".

...
O embaixador declarou que está "muito satisfeito, porque é a primeira vez que um português o recebe", o que constitui motivo de orgulho "para ele e para Portugal. Sabemos que havia candidatos de muito alto nível. Assim é premiado o seu trabalho de uma vida" acrescentou.

...
Adalberto Alves recebeu o prémio das mãos de Koichiro Matsuura, director-geral da UNESCO.

...
Como novos projectos, Adalberto Alves revelou à Lusa que prepara "uma antologia da minha poesia, em versão bilingue árabe-português, que será lançada em Marrocos, e em castelhano em Espanha.", bem como a conclusão de "um dicionário de palavras portuguesas de origem árabe".

...
Patrocinado pelo governo do Emirado de Sharjah, o Prémio, agora entregue a Adalberto Alves e cuja primeira edição foi em 2001, partiu de uma proposta do sheik Bin Mohamed Al-Qassimio e foi aprovado pelo Conselho Executivo da UNESCO em 1998.


Lusa (Agência de Notícias de Portugal)

Sem comentários: