Faça dinheiro sem esforço

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

POR QUE ou PORQUE?

Escrever em duas palavras ou numa só depende da natureza gramatical dos elementos em presença.

POR QUE escreve-se em duas palavras sempre que por é uma preposição. Assim, deverá escrever-se por que nos casos em que:

a) se emprega a preposição por com o pronome relativo que: Embora não tão cedo como teria gostado, ele realizou o sonho por que (pelo qual) sempre lutou;

b) se utiliza a preposição por com o pronome interrogativo adjunto que: Poderás explicar-me por que (por qual) motivo me chegas a casa só a estas horas?

Atente-se que, neste caso, o pronome que surge sempre junto de um nome ao qual está ligado pelo sentido.

PORQUE deverá escrever-se numa única palavra sempre que:

a) se trate de uma conjunção subordinativa causal:

Compro sempre os bolos nesta pastelaria porque me sabem aos bolos da minha infância;

b) se trate de um advérbio interrogativo, surgindo sempre ligado a um verbo. Como advérbio interrogativo, poderemos encontrá-lo:

- em orações interrogativas directas: Porque não reclamaste?

- em orações interrogativas indirectas: A mãe só queria que ele lhe explicasse porque deixara o carro destravado numa rampa.

- depois do advérbio eis em frases como: Eis porque havemos de ser tolerantes.

- em títulos do tipo: Porque me tornei vegetariano.

Dália Dias, Júlia Cordas e Margarida Mouta, Em Português? Claro!, Porto Editora, p. 120

Sem comentários: