Faça dinheiro sem esforço

domingo, 19 de abril de 2009

Fábrica de Faianças Artísticas Bordalo Pinheiro



Depois de estar em risco iminente de fechar, esperamos que o novo investidor catapulte novamente a fábrica das Caldas da Rainha, fundada em 1884, para o lugar insubstituível que sempre ocupou no nosso país, mantendo-se, assim, o legado de Rafael Bordalo Pinheiro e do seu irmão Columbano.

Parece, também, segundo notícia do JL (n.º 1005), que o Estado comprou os «moldes» de Rafael, o que assegura a sua preservação.

Sem comentários: