Faça dinheiro sem esforço

sábado, 7 de fevereiro de 2009

Número 1000: «Amor à camisola»



O Jornal de Letras, Artes e Ideias atingiu a edição número mil.

Há 28 anos que o JL nos brinda com cultura e se projecta na defesa e promoção da língua portuguesa.

Nas palavras do seu fundador e, desde sempre, director, José Carlos de Vasconcelos, o JL é «único em Portugal e na nossa cultura, bem como em todo o mundo da língua portuguesa». O mesmo destaca, ainda, ser «este um espaço privilegiado para os criadores, em particular os de língua portuguesa», tal como refere que o JL se destaca na «defesa dos valores humanistas». É, assim, um «projecto jornalístico, cultural e cívico» ("JL vezes 1000", in JL1000).

O caminho nem sempre foi fácil, com períodos difíceis e com um início pouco auspicioso. Contudo, o JL, graças aos profissionais que lhe dão o ser, é um exemplo único de persistência e regularidade, uma vez que nunca houve uma edição, ao longo de todos estes anos, que não tivesse saído.

«É o meu jornal de cultura, sempre será. É o nosso jornal de cultura, sempre será.» (João Ubaldo Ribeiro)

«[...] missão de aproximar pela cultura os nossos povos.» (Pepetela)

«Ele, sim, ele é na prática a verdadeira CPLP. [...] Cada número do JL é um acto de cultura, de resistência e de amor à língua portuguesa.» (Manuel Alegre)

Sem comentários: